Valentino Rossi larga da pole-position do GP da Itália

Valentino Rossi cravou a pole-position do GP da Itália, sua corrida caseira, depois de liderar a sessão classificatório em Mugello.

Rossi registrou uma volta em 1:46.504 para superar Maverick Viñales, da Suzuki, por 0.094s, com Andrea Iannone, da Ducati, em terceiro, 0.009s atrás do espanhol.

Iannone, que liderou durante os treinos livres, tinha a pole provisória depois de duas tentativas, mas não conseguiu responder as investidas do seu compatriota.

Marc Marquez, da Honda, assegurou quatro diferentes montadoras representadas no top 4, com o atual campeão Jorge Lorenzo em quinto.

Aleix Espargaró assegurou sua progressão do Q1 e terminou em sexto, à frente da Honda de Dani Pedrosa e da Tech 3 de Bradley Smith.

A dupla da Pramac, Danilo Petrucci e Scott Redding, completou o top 10, na frente dos pilotos que andam de Ducati, Michele Pirro e Yonny Hernandez.

O sofrimento de Andrea Dovizioso em Mugello continuou e conseguiu ser somente 13º no grid naquela que é não só a sua corrida caseira como também da sua equipe Ducati.

Pol Espargaró e Cal Crutchlow ambos bateram no Q1 e classificaram-se em 14º e 16º, separados por Héctor Barberá.

Jack Miller foi 17º na única moto da Marc VDS, à frente de Eugene Laverty e a dupla da Aprilia, formada por Álvaro Bautista e Stefan Bradl.

Loris Baz alinhará na 21ª e última posição depois da desistência do contundido Tito Rabat.

O GP da Itália será realizado neste domingo a partir das 9h (horário de Brasília).