Marc Marquez vence após ‘duelo dos titãs’ em Assen

Em uma maiores corridas dos últimos anos da MotoGP, GP da Holanda estará marcado na história da categoria

Marc Marquez largou na pole em busca da vitória na 70ª edição do GP da Holanda na MotoGP, mas a corrida realizada por Marquez, Valentino Rossi, Maverick Viñales, Andrea Dovizioso,  Alex Rins e Cal Crutchlow em Assen, ficará na história pela emoção segundo a segundo. No final, Marquez, Rins e Viñales fizeram o pódio.

Marquez conseguiu um ‘holeshot’, com Crutchlow pressionando até que Lorenzo forçou totalmente. O vencedor do GP da Itália e da Catalunha também não esperou muito para atacar Marquez e alcançar a liderança. Marquez voltou a liderança mais tarde na 15ª volta. O duelo foi o primeiro dos diversos que o GP apresentou.

Rossi então fez seu primeiro ataque na última chicane e partiu para cima de Lorenzo. O espanhol sofreu para segurar o italiano ocasionando até mesmo um incidente com Rossi se chocando contra a traseira da Ducati de Lorenzo. Mas ambos mantiveram as posições sem muitos prejuízos. Com isso, Marquez, Dovizioso, Rins, Crutchlow e Viñales estavam no top 5 e lutando na posição por posição.

Marquez ultrapassou Rossi, Viñales ultrapassou Crutchlow, Dovizioso ultrapassou Rossi, Dovizioso logo depois ultrapassou Marquez, Rins ultrapassou Rossi e em seguida, Dovizioso. Lorenzo manteve firme na liderança enquanto acontecia a dança das posições. Com os oito primeiros colocados com uma diferença entre um segundo, de Lorenzo até Johann Zarco.

O drama voltou com 15 voltas para o final, quando Rins atacou e ultrapassou Marquez os dois estavam apenas separados por um fio de cabelo. Isso deixou de fora da liderança, com Lorenzo sendo perseguido por Rins e Dovizioso.

O italiano duelou com seu companheiro de equipe e logo em seguida, Lorenzo começou a cair de posição, com Viñales assumindo a liderança pela primeira vez depois de largar em oitava lugar. Marquez conseguiu retornar para a liderança, antes da abertura da volta, os dois quase jogaram tudo fora quando duelavam e quase se tocaram. Rossi agradeceu a ‘briga’ e tomou a liderança novamente.

Após oscilar quatro vezes na liderança, Marquez voltar ao P1 e não ‘largou’ até o final do GP. Depois de uma das corridas mais espetaculares na história do mais antigo campeonato de automobilismo do mundo, o atual campeão conseguiu se destacar para conquistar a impressionante quarta vitória do ano – e aumentar sua vantagem de pontos.

Mas antes de acabar a corrida, teríamos mais um duelo. Viñales tinha conseguido o segundo lugar,  Rins conseguiu ultrapassar na última volta, com o piloto da Suzuki conseguindo seu segundo pódio na categoria. Viñales manteve o terceiro lugar e voltou ao pódio pela primeira vez desde o Texas.

Marquez, Rins, Viñales, Dovizioso e Rossi completaram os cinco melhores. Jorge Lorenzo que estava otimista, conseguiu o sétimo lugar.

 

Confira o resultado do GP da Holanda:

1) Marc MARQUEZ (ESP/Repsol Honda Team)
2) Alex RINS (ESP/Team SUZUKI ECSTAR)
3) Maverick VIÑALES (ESP/Movistar Yamaha MotoGP)
4) Andrea DOVIZIOSO (ITA/Ducati Team)
5) Valentino ROSSI (ITA/Movistar Yamaha MotoGP)
6) Cal CRUTCHLOW (ING/LCR Honda CASTROL)
7) Jorge LORENZO (ESP/Ducati Team)
8) Johann ZARCO (FRA/Monster Yamaha Tech 3)
9) Alvaro BAUTISTA (ESP/Angel Nieto Team)
10) Jack MILLER (AUS/Alma Pramac Racing)
11) Andrea IANNONE (ITA/Team SUZUKI ECSTAR)
12) Pol ESPARGARO (ESP/Red Bull KTM Factory Racing)
13) Aleix ESPARGARO (ESP/Aprilia Racing Team Gresini)
14) Scott REDDING (ING/Aprilia Racing Team Gresini)
15) Dani PEDROSA (ESP/Repsol Honda Team)
16) Tito RABAT (ESP/Reale Avintia Racing)
17) Bradley SMITH (ING/Red Bull KTM Factory Racing)
18) Hafizh SYAHRIN (MAL/Monster Yamaha Tech 3)
19) Takaaki NAKAGAMI (JAP/LCR Honda IDEMITSU)
20) Thomas LUTHI (SUI/EG 0,0 Marc VDS)
OUT) Danilo PETRUCCI (ITA/Alma Pramac Racing)
OUT) Xavier SIMEON (BEL/Reale Avintia Racing)
OUT) Karel ABRAHAM (CZE/Angel Nieto Team)