Johann Zarco lidera testes pós GP espanhol em Jerez

Johann Zarco liderou o teste pós GP da Espanha da MotoGP, em Jerez, a menos de um décimo do recorde de Cal Crutchlow. Além do francês da Tech3 Yamaha, todos os pilotos da Honda, KTM, equipes de fábrica da Yamaha, Pramac Ducati e Avintia, participaram do teste.

Rabat, Marc Márquez e Maverick Viñales se revezaram na liderança dos tempos, durante as duas primeiras das oito horas do teste, antes de Crutchlow assumir o primeiro lugar. O britânico ainda melhorou seu próximo tempo, mas foi superado por Zarco, que marcou (1:37,730s) – a 0,077s do recorde de pole que Crutchlow fez na qualificação de sábado.

Dani Pedrosa ficou em terceiro na sua Honda, apenas 0,033s mais lento que Crutchlow. Viñales foi o quarto e o mais rápido da Yamaha, seguido de Márquez. A equipe de fábrica da Honda aproveitou para testar uma nova carenagem, com Márquez comparando três especificações diferentes durante o dia.

Franco Morbidelli, da Marc VDS Honda, foi meio décimo mais lento que Márquez, em sexto, seguido por Rabat e Takaaki Nakagami na segunda moto da LCR. Tom Luthi, causou uma breve bandeira vermelha durante o teste, depois que sua moto rodou.

Miller e Rossi – que eram 0,943s mais lentos que Zarco – completaram o top 10, enquanto Bradley Smith venceu Pol Espargaró, da KTM, por 0,010s, pela 11ª posição. Danilo Petrucci e Karel Abraham estiveram ausentes, juntamente com os pilotos da Suzuki e da Aprilia. O teste ofereceu aos pilotos, a oportunidade de experimentar um novo pneu traseiro macio, fornecido pela Michelin.