Valentino Rossi perde no tribunal e deve largar em último em Valência

O Tribunal Arbitral do Esporte rejeitou o pedido de Valentino Rossi por suspender a execução da pena que recebeu na Malásia, significando que ele precisa largar do final do grid na final de temporada deste fim de semana em Valência.

Rossi recebeu três pontos de punição por bater com Marc Marques e aliado ao ponto que recebeu no começo de 2015 deverá largar da última posição do campeonato na próxima etapa do campeonato.

Os representantes de Rossi e da FIM encontraram-se em Lausanne para discutir o carro na quarta-feira, na esperança que a suspensão da pena seria garantida, permitindo que a punição fosse suspensa até 2016.

No entanto, o CAS rejeitou o pedido para suspender a execução.

“O CAS decidiu que as condições para a suspensão não foram atendidas, que significa que a sensação imposta pela FIM terá que ser cumprida no próximo Grande Prêmio em Valência”.

No entanto, o processo de apelação está sendo visto, com o comunicado confirmando que “o processo de arbitragem ainda está em progresso e uma decisão final dos méritos será dada num estágio mais tarde”.

Assim se a decisão final não for tomada até este final de semana, Rossi precisará largar da última posição do grid em Valência.

Rossi atualmente lidera o campeonato sobre Lorenzo por sete pontos.