Power vence as 500 Milhas de Indianápolis; Leist em 13º, Castroneves e Kanaan abandonam

Will Power venceu as 500 Milhas de Indianápolis e colocou um fim à sua espera de triunfo na prova mais clássica da Indy, neste domingo. Power assumiu a liderança, restando apenas poucas voltas para o final, garantindo a sua primeira vitória nas 500 Milhas no Indianápolis Motor Speedway.

Will Power - Indianapolis 500
Foto: AFP/ Chris Graythen

 

Os líderes da corrida, Stefan Wilson e Jack Harvey, foram obrigados a reabastecer com cinco voltas para o final, com o combustível acabando, permitindo que Power assumisse a liderança. Ed Carpenter manteve a velocidade e ficou com a segunda colocação, Dixon empurrou a Ganassi ao terceiro lugar. Alexander Rossi, Ryan Hunter-Reay, Simon Pagenaud, Carlos Muñpuz, Josef Newgarden, Robert Wickens e Graham Rahal fecharam o top-10.

Helio Castroneves perdeu outra chance de empatar o recorde de vitórias na prova, quando bateu na volta 147. O piloto da equipe Penske saiu da curva 4 e atingiu a parede interna. Castroneves, que havia vencido três Indy 500 (2001, 2002, 2009) em 17 tentativas anteriores, chegou em 27º, depois de começar em oitavo. O brasileiro estava tentando empatar o recorde de quatro vitórias marcadas por A.J. Foyt, Al Unser Sr. e Rick Mears.

“Provavelmente foi bem longe na curva 3 e provavelmente estava com um pouco de poeira nos pneus e assim que cheguei ao lá e tentei passar por Simon (Pagenaud), a traseira rodou. Eu não estava esperando; não tinha percebido. O carro estava bom. Definitivamente foi difícil lá fora”, disse Castroneves, depois de ter sido dispensado sem ferimentos do centro médico.

O campeão de 2013, Tony Kanaan, girou na curva 2, trazendo uma cautela a 12 voltas do final e abandonando. Matheus Leist, colega de equipe do brasileiro, foi o 13º. O domingo também não foi um bom dia para os finalistas do pódio do ano passado, incluindo o vencedor de 2017, Takuma Sato, que foi eliminado em um acidente na volta 48. Dez voltas depois, Ed Jones, que terminou em terceiro lugar como novato no ano passado, deu um golpe na parede na segunda curva.

Sebastien Bourdais, que perdeu a Indy 500 do ano passado, depois de ter sido lesionado em um acidente de qualificação, ficou de fora também, junto de Sage Karam. Danica Patrick rodou na curva 2 e bateu na parede, terminado seu dia na volta 68.

 

Confira com finalizou as 500 Milhas de Indianápolis:

1) 12 – Will POWER (Penske Chevrolet) 200 voltas
2) 20 – Ed CARPENTER (Carpenter Chevrolet) +3.158
3) 9 – Scott DIXON (Ganassi Honda) +4.592
4) 27 – Alexander ROSSI (Andretti Honda) +5.223
5) 28 – Ryan HUNTER-REAY (Andretti Honda) +6.718
6) 22 – Simon PAGENAUD (Penske Chevrolet) +7.235
7) 29 – Carlos MUÑOZ (Andretti Honda) +7.837
8) 1 – Josef NEWGARDEN (Penske Chevrolet) +8.691
9) 6 – Robert WICKENS (Schmidt Peterson Honda) +9.311
10) 15 – Graham RAHAL (RLL Honda) +11.336
11) 66 – JR HILDEBRAND (Dreyer & Reinbold Chevrolet) +12.735
12) 98 – Marco ANDRETTI (Andretti Honda) +14.074
13) 4 – Matheus LEIST (Foyt Chevrolet) +14.779
14) 88 – Gabby CHAVES (Harding Chevrolet) +15.117
15) 25 – Stefan WILSON (Andretti Honda) +33.674
16) 60 – Jack HARVEY (Michael Shank SPM Honda) +34.797
17) 64 – Oriol SERVIÀ (Scuderia Corsa RLL Honda) +38.232
18) 23 – Charlie KIMBALL (Carlin Chevrolet) +41.514
19) 19 – Zachary CLAMAN DEMELO (Dale Coyne Honda) +1 volta
20) 21 – Spencer PIGOT (Carpenter Chevrolet) +1 volta
21) 17 – Conor DALY (Dale Coyne Honda) +1 volta
22) 59 – Max CHILTON (Carlin Chevrolet) +2 voltas
23) 26 – Zach VEACH (Andretti Honda) +2 voltas
24) 7 – Jay HOWARD (Schmidt Peterson Honda) +7 voltas

Não completaram

25) 14 – Tony KANAAN (Foyt Chevrolet) +13 voltas
26) 24 – Sage KARAM (Dreyer & Reinbold Chevrolet) +46 voltas
27) 3 – Helio CASTRONEVES (Penske Chevrolet) +55 voltas
28) 18 – Sébastien BOURDAIS (Dale Coyne Honda) +63 voltas
29) 32 – Kyle KAISER (Juncos Chevrolet) + 90 voltas
30) 13 – Danica PATRICK (Carpenter Chevrolet) +113 voltas
31) 10 – Ed JONES (Ganassi Honda) +143 voltas
32) 30 – Takuma SATO (RLL Honda) +154 voltas
33) 33 –  James DAVISON (Foyt Chevrolet) +155 voltas