Pagenaud opta pela estratégia mais segura e vence em Mid-Ohio

Simon Pagenaud correu para a quarta vitória da temporada em Mid-Ohio depois de algumas bandeiras amarelas colocar a liderança nas mãos de diferentes pilotos.

Pagenaud que liderava o seu companheiro na Penske, Will Power, quando a primeira bandeira amarela apareceu na volta 15 de um total de 90.

Uma confusão entre Helio Castroneves e Scott Dixon trouxe as bandeiras amarelas, e colocou a liderança nas mãos de Mikhail Aleshin e os outros pilotos que já tinham parado nos boxes em outra estratégia.

Depois da rodada de pit-stops concluída, Aleshin parecia que conquistaria sua primeira vitória, mas a segunda bandeira amarela causada por Jack Hawksworth batendo nas barreiras da Curva 1 na volta 60 provou que os palpites estavam errados.

Com a rodada final de pit-stops aberta depois da batida de Hawksworth, todo o pelotão além dos pilotos da Dale Coyne, Conor Daly e RC Enerson, foi para os boxes.

Os mecânicos da Schmidt Peterson, equipe de Aleshin, sinalizaram para ele sair dos boxes, mas Josef Newgarden, que ocupava uma posição nos boxes logo à frente, estava se aproximando e foi acertado por Aleshin, que acabou ficando fora da disputa já que teve que parar mais tarde para instalar uma nova asa dianteira.

Isto deixou Daly lutando na frente na relargada numa tentativa de fazer sua estratégia de quatro paradas funcionar, mas com combustível limitado e pneus mais velhos ele teve que parar nas voltas finais, devolvendo a liderança da corrida para Pagenaud.

O líder do campeonato eventualmente cruzou a linha de chegada 4.1s à frente de Power.

Carlos Muñoz completou o pódio, tirando vantagem da mesma estratégia que Aleshin e cruzando a bandeira quadriculada como o Dallara propulsionado por motor Honda mais bem posicionado.

Graham Rahal e James Hinchcliffe andaram bem para terminar em quarto e quinto respectivamente depois de Takuma Sato e Sebastien Bourdais – que chegou a andar na frente – tocarem-se a apenas três voltas do final.

Um splash&go no final da corrida fez com que Daly caísse para sexto.

Quem ficou no anonimato nesta corrida foram os pilotos Juan Pablo Montoya e Tony Kanaan que só terminaram na 12ª e 13ª posições, respectivamente.

Enerson andou bem em sua estreia na Indy antes de seu motor apagar em um dos seus pit-stops e, com isso, acabar terminando em 20º.

 

Confira o resultado da etapa de Mid-Ohio:

1. (1) Simon Pagenaud, Chevrolet, 90, Running
2. (2) Will Power, Chevrolet, 90, Running
3. (15) Carlos Munoz, Honda, 90, Running
4. (6) Graham Rahal, Honda, 90, Running
5. (9) James Hinchcliffe, Honda, 90, Running
6. (22) Conor Daly, Honda, 90, Running
7. (19) Spencer Pigot, Chevrolet, 90, Running
8. (5) Charlie Kimball, Chevrolet, 90, Running
9. (20) Takuma Sato, Honda, 90, Running
10. (3) Josef Newgarden, Chevrolet, 90, Running
11. (8) Juan Pablo Montoya, Chevrolet, 90, Running
12. (14) Tony Kanaan, Chevrolet, 90, Running
13. (21) Marco Andretti, Honda, 90, Running
14. (12) Alexander Rossi, Honda, 90, Running
15. (7) Helio Castroneves, Chevrolet, 90, Running
16. (13) Max Chilton, Chevrolet, 90, Running
17. (10) Mikhail Aleshin, Honda, 90, Running
18. (4) Ryan Hunter-Reay, Honda, 90, Running
19. (18) RC Enerson, Honda, 89, Running
20. (16) Sebastien Bourdais, Chevrolet, 86, Off Course
21. (17) Jack Hawksworth, Honda, 60, Contact
22. (11) Scott Dixon, Chevrolet, 27, Mechanical