Carlin entra para a IndyCar com Chilton e Kimball

A Carlin anunciou sua entrada na IndyCar em tempo integral para a temporada de 2018, com Max Chilton e Charlie Kimball a bordo.

Altamente bem sucedida no cenário junior do automobilismo, a Carlin esteve vinculada à IndyCar desde que se juntou à Indy Lights em 2015.

O chefe da equipe, Trevor Carlin, afirmou no início deste ano que ele estava se aproximando de uma entrada na IndyCar, sentindo que “era o momento perfeito” para o movimento.

Nesta semana a Carlin confirmou sua entrada na IndyCar, com os ex-Ganassis Chilton e Kimball em seus dois carros, que serão empurrados pelos motores Chevrolet.

“Estamos muito satisfeitos por finalmente poder anunciar nossa entrada na IndyCar, resultado de uma ambição de longo prazo da equipe”, comentou Carlin.

“Para se juntar a essa jornada em nossa temporada de estreia por marcas como a Gallagher e a New Nordisk, e com os pilotos que já têm história nas corridas Max e Charlie, está além do que poderíamos esperar.

“De mogo algum subestimamos o desafio e a concorrência que nos aguarda, mas tenho fé na equipe jovem e apaixonada”.

Chilton passou as duas últimas temporadas da IndyCar com a Chipa Ganassi Racing, registrando o melhor resultado um quarto lugar nas 500 Milhas de Indianápolis deste ano.

Kimball, entretanto, corre na IndyCar desde 2011, também com a Chip Ganassi, tendo uma única vitória na série em Mid-Ohio, 2013.