Antonio Giovinazzi garante vitória dupla na GP2 em Baku

Antonio Giovinazzi surpreendeu seus rivais com uma recuperação incrível neste domingo (19), na sprint race da GP, em Baku. Mesmo depois de largar em 8º, Giovinazzi escalou no pelotão e garantiu a vitória dupla – algo que não acontecia na categoria desde Davide Valsecchi no Bahrein ,em 2012. Completaram o pódio de domingo em Baku, Pierre Gasly e Sergey Sirotkin.

Largando na pole, Daniël de Jong foi supreendido na largada com o japonês Nobuharu Matsushita pulando de terceiro para a primeira colocação. Logo nas voltas seguintes, Jordan King e Jimmy Eriksson se encontraram na curva 1, provocando a primeira entrada do safety-.car. No reinício, Matsushita quase atingiu o carro de segurança, enquanto Oliver Rowland e Daniel de Jong se enrocaram na tentativa de ganhar a liderança, permitindo a Sirotkin ganhar duas posições de uma só vez, assumindo a segunda posição.

Então, Philo Paz Armand encontrou a parede e o carro de segurança foi novamente para a pista. Na relarga, Matsushita tentou segurar a relarga, provocando um engavetamento, que envolveu vários pilotos, como Gustav Malja e Evans.

Partindo para as cinco voltas finais, Matsushita partia para a vitória, mas em uma tentativa de  Raffaele Marciello de ganhar a segunda colocação, os dois acabaram se tocando, entregando a liderança , Pierre Gasly, que largou em 18º, trazendo atrás dele o companheiro de equipe Giovinazzi, que agora estava sonhando com um resultado histórico de garantir a rodada dupla.

O italiano, então, foi com tudo para cima do francês nas últimas voltas, mas sem o auxílio do DRS, teria que fazer à moda antiga: na última volta, Giovinazzi colocou por dentro na curva 1, assumindo a ponta – o resultdo garantiu a dobradinha da equipe Prema.

O fim de semana tumultuado movimento a disputa do campeonato, com Markelov liderando com 54 pontos, contra 49 de Norman Nato – Giovinazzi subiu para terceiro, com 46; Gasly tem 45, Marciello, 43, Alex Lynn aparece com 41 e Rowland soma 34.

Resultado final da prova:

Driver
Team
1.
Antonio Giovinazzi
PREMA Racing
2.
Pierre Gasly
PREMA Racing
3.
Sergey Sirotkin
ART Grand Prix
4.
Jordan King
Racing Engineering
5.
Artem Markelov
RUSSIAN TIME
6.
Sergio Canamasas
Carlin
7.
Nabil Jeffri
Arden International
8.
Arthur Pic
Rapax
9.
Alex Lynn
DAMS
10.
Marvin Kirchhöfer
Carlin
11. Raffale Marciello RUSSIAN TIME
12. Luca Ghiotto Trident
13. Nicholas Latifi DAMS
14. Daniël de Jong MP Motorsport
15. Oliver Rowland MP Motorsport