Na briga pela ponta da Fórmula E, Di Grassi mira manter-se em alta

A Fórmula E começa 2016 oficialmente com a quarta etapa da temporada neste sábado (6). O ePrix de Buenos Aires, disputado em circuito montado nas ruas de Porto Madero, na capital portenha, traz boas e más lembranças ao brasileiro da ABT Schaeffler Audi Sport: boas, por se tratar de seu traçado preferido na Fórmula E e por ter apresentado grande desempenho na prova disputada no ano passado, e más pelo fato de ter abandonado a disputa quando a liderava devido a uma quebra de suspensão.

Na atual temporada dos carros elétricos, Di Grassi não terminou abaixo do segundo lugar. A um ponto da liderança, brasileiro corre na pista que considera a sua preferida na categoria

Di Grassi subiu ao pódio em todas as três etapas disputadas até agora. Foi segundo em Pequim, venceu em Putrajaya e foi segundo novamente em Punta del Este. Ele está a um ponto do suíço Sébastien Buemi, que venceu na China e no Uuguai, e soma 62 pontos contra 61 do brasileiro.

“As corridas na América do Sul são obviamente especiais para mim pelo fato de a Fórmula E ainda não correr no Brasil. Apesar disso as pessoas estão gostando muito da categoria; o campeonato está apertado nesta temporada e cada detalhe é crucial. Estamos trabalhando sem parar e o objetivo é novamente somar bons pontos, mas sempre buscando a vitória”, disse.

O traçado de 2.480 metros, montado no distrito de Porto Madero, tem sua reta principal passando ao lado do Rio da Prata. O circuito é o mais rápido da temporada, com sua curva mais veloz contornada a 170 km/h, e onde os carros superam os 200 km/h no final da reta principal.

A prova terá transmissão ao vivo pelo canal Fox Sports