IN LOCO: Vergne vence em dia de dobradinha da Techeetah em Santiago; Piquet em sexto

Jean-Eric Vergne venceu uma disputa emocionante no ePrix de Santiago desse sábado, em dia de dobradinha da chinesa Techeetah, com seu companheiro Andre Lotterer em segundo.

Com a bandeira verde no circuito instalado nas ruas da capital chilena, Vergne manteve a ponta com Nelson Piquet Jr ganhando três posições e subindo para a segunda posição.

Lotterer caiu para terceiro seguido de perto pela Renault de Sebastien Buemi. Sam Bird era o quinto.

Lucas di Grassi, que largou em 13º depois de perder 10 posições pelo troca do inversor antes da etapa chilena, assumiu a nona posição logo na primeira curva.

Ainda na primeira volta, Jose Maria Lopez foi tocado por Nick Heidfeld e ficou preso no muro. Assim como Maro Engel na Curva 3. A bandeira vermelha foi acionada e o Safety Car liderou o pelotão até que os carros fossem retirados dos locais e a limpeza da pista fosse executada.

Com a relargada, Lotterer partiu para cima de Piquet Jr. O piloto da Jaguar ainda conseguiu se defender por algumas voltas mais o ritmo do alemão era muito forte. Algumas voltas depois, a Techeetah já estava com sua dupla de pilotos nas duas primeiras posições.

Antes da troca de carro, Di Grassi já ocupava a P6 em um corrida de recuperação muito forte, com grandes chances de ameaçar os líderes da prova, mas logo na saída dos boxes o carro do brasileiro apagou, novamente, assim como na última etapa em Marrakesh. O brasileiro tentou “resetar” o carro mas não teve sucesso e abandonou.

Na frente, Piquet Jr sofria um forte ataque de Buemi pela terceira posição, resistindo por algumas voltas – incluindo uma defesa de “fan boost” – com o suíço finalmente conseguindo a ultrapassagem.

Nesse ponto, a briga pela liderança da corrida era intensa. Vergne sofria um ataque considerável de Lotterer, e sem ordens de equipes vindas da Techeetah, a briga durou até o final da corrida.

Buemi se aproveitou da disputa pela liderança e colou da dupla da Techeetah, trazendo com ele Piquet Jr, Sam Bird e Felix Rosenqvist.

Com 9 voltas para o final da corrida tudo estava aberto. Era difícil prever quem venceria o emocionante ePrix de Santiago, na capital chilena, que não recebia uma série internacional desde 1950.

Foi quando Piquet Jr tentou ultrapassar Buemi para retomar a terceira posição. No mesmo ponto que defendeu-se de Buemi com seu “fan boost”, Piquet Jr colocou por dentro e deixou para frear mais tarde. Buemi aproveitou para dar o “x” no brasileiro que quase foi parar no muro depois de errar a freada.

Rosenqvist e Bird ultrapassaram o piloto da Jaguar que acabou terminando a corrida na P6.

Vergne segurou a pressão de Lotterer e venceu a dobradinha da Techeetah. Buemi ficou em terceiro seguido por Rosenqvist, Bird e a dupla da Jaguar, com Mitch Evans pouco menos de um segundo atrás de Piquet.

Jerome D’Ambrosio, Antonio Felix da Costa e Nicolas Prost fecharam os 10 primeiros.

A Fórmula E retorna no dia 3 de março com a quinta etapa da temporada 2017/18, no México.

A F1Mania está ‘in loco’ com todas as informações da FE no Chile.

 

Confira os melhores momentos: