Guiotto vence corrida espetacular da F2 em Monza; Câmara foi o sétimo

Luca Ghiotto, da Russian Time, conquistou a vitória durante uma espetacular e polêmica corrida da Fórmula 2, depois que a dupla Nyck de Vries e Charles Leclerc se tocaram na última volta em Monza.

A corrida foi atrasado por quase duas horas e meia e as voltas iniciais foram feitas atrás do Safety Car em condições de pista molhada, antes que os pilotos fizessem a formação para o grid de largada.

De Vries assumiu a liderança, enquanto Leclerc rapidamente subiu para o segundo lugar, largando na sétima posição.

De Vries e Leclerc mantiveram suas posições após as paradas obrigatórias, mas Oliver Rowland, que havia largado na P13 e já era o terceiro, parou quando sua roda traseira esquerda se soltou.

A DAMS de Rowland exigiu a entrada do Safety Car, obrigando os pilotos a fazerem uma segunda largada.

Leclerc ultrapassou Vries pela liderança ao longo da reta dos boxes. Nessa altura, Ghiotto que havia largado na P11 era o terceiro colocado.

O piloto junior da Ferrari liderou brevemente, com Guiotto e Vries conseguindo fazer a ultrapassagem momentos depois.

Enquanto Ghiotto abria pequena vantagem na liderança Leclerc e Vries se envolveram em um acidente, com Leclerc sendo enviado par as barreiras e com severos danos. De Vries teve um pneu furado. A dupla acabou em P17 e P18, respectivamente.

Pelo rádio Leclerc expressou sua raiva, rotulando seu ex-companheiro de GP3 como “estúpido”.

Os comissários ainda estão investigando o incidente entre os pilotos, o que significa que o resultado permanece provisório.

A segunda posição ficou com Antonio Fuoco. O pole-position Nobuharu Matsushita terminou em terceiro lugar, à frente de Nicholas Latifi e Alexander Albon, que conseguiram uma boa recuperação depois de rodarem na primeira volta.

Sean Gelael foi o sexto, à frente do brasileiro Sérgio Sette Câmara, Louis Deletraz, Gustav Malja e Artem Markelov.

 

Uma resposta para “Guiotto vence corrida espetacular da F2 em Monza; Câmara foi o sétimo”

  1. Essa tira de chinelo na frente da visão do piloto é uma estética de componente esdruxula! Inviável. Se isso quebrar vai causar serias lesões ao piloto. É perigoso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *