Villeneuve revela que podia ter corrido pela Renault ou McLaren

Jacques Villeneuve, campeão mundial em 1997, admitiu que cometeu alguns erros durante sua carreira na Fórmula 1.

“Não me arrependo de nada”, declarou à revista francesa ‘Auto Hebdo’. “Meu único erro foi renovar o contrato com a BAR (em 2002) quando recebi uma oferta da Renault”.

Se tivesse ido para a Renault, Villeneuve presumivelmente teria sido companheiro de equipe de Fernando Alonso, que conquistou seus dois títulos mundiais em 2005 e 2006.

O canadense também admitiu que sua carreira poderia ter seguido um rumo diferente logo depois de vencer seu primeiro e único campeonato com a Williams em 1997.

“Na verdade, eu recebi uma oferta da McLaren”, revelou. “Adrian Newey me ligou e me pediu para não assinar com a BAR, e sim com a McLaren. Ele gostava de mim porque havia visto o que eu poderia fazer com seus carros na Williams, e havia um respeito enorme entre nós”.

Na McLaren, Mika Hakkinen se tornou bicampeão mundial em 1998 e 1999.

“Hoje, é fácil dizer que teria sido ótimo na McLaren, mas como você pode perder a oportunidade de ter sua própria equipe?”, acrescentou Villeneuve, que fundou a BAR junto com seu empresário Craig Pollock em 1999.

  • Darlan Oliveira

    Alguns? Ele cometeu todos os erros possíveis! Deixou d assinar com a equipe atual campeã da época (McLaren em 1998) pra fundar uma equipe q nem se sabia se daria certo (e não deu). E ainda renovou com ela… A BAR só afundou a carreira do Jacques.