Verstappen pediu desculpas por fracasso em Mônaco

Max Verstappen pediu desculpas à Red Bull pelos dois acidentes que destruíram seu fim de semana no GP de Mônaco. No sábado, Verstappen bateu na saída da Piscina na fase de classificação, provocando uma troca de chassi durante a noite e uma largada no pit-lane.

Depois de lutar para abrir caminho até a 9ª posição durante a corrida, fazendo algumas ultrapassagens ousadas, Verstappen bateu em uma barreira na Massenet.

Animado após uma vitória na sua estreia com à Red Bull na Espanha, que colocou o piloto como vencedor mais jovem da F1, Verstappen estava absolutamente irritado consigo mesmo.

“No final, eu tenho que pedir desculpas para a equipe porque eles trabalharam muito duro para ter o carro preparado, isso não deveria ter acontecido e eu não lhes dei o resultado que mereciam, e sinto muito por isso”, disse ele. “Estou decepcionado comigo mesmo, porque isso não pode acontecer”.

Embora o resultado em Mônaco de Verstappen fosse um forte contraste com a Espanha, Christian Horner acredita que o jovem piloto vai aprender com isso.

“Ele teve uma forte primeira metade da corrida, fez algumas boas ultrapassagens, fez uma ótima recuperação, estava correndo no Top 10 e ele estava forçando”, disse Horner.

“Ele viu que Rosberg não estava muito longe. Infelizmente as condições apenas o pegaram no topo da subida – ele não foi o único pego na pista”.

“Foi uma semana muito contrastante para ele em relação a duas semanas atrás, mas tudo isso faz parte da curva de aprendizado que ele está fazendo”.