Sistema de refrigeração encerrou a corrida de Felipe Massa

O abandono de Felipe Massa no GP do Canadá foi o resultado de um problema no sistema hidráulico, que levou sua unidade de potência a superaquecer, confirmou a Williams.

Massa estava correndo dentro dos pontos quando teve o problema, com a Williams em última análise o chamando para os boxes na volta 36 para poupar o motor.

“Felipe teria terminado de quarto para sexto, de modo que perdemos muitos pontos com o problema”, disse o chefe de desempenho Rob Smedley. “Fizemos as contra medidas para tentar corrigir isso, mas nenhum delas funcionou, então tomamos a decisão de retirar o carro porque a unidade de potência tem pouco uso”.

Massa expressou sua decepção após o companheiro de equipe, Valtteri Bottas, subir ao pódio.

“Estou muito desapontado por não terminar a corrida devido a um problema mecânico”, acrescentou. “Era uma corrida para marcar bons pontos com ambos os carros, por isso temos de nos concentrar na próxima corrida, já que foi uma pena essa acabar assim”.

O abandono de Massa foi a sua primeira da temporada, e também terminou a sequência de sete corridas pontuando que vinha desde o GP de Abu Dhabi do ano passado.