Sauber não pontua na Rússia: “Não foi uma boa corrida para nós”

Marcus Ericsson (Sauber) – 15º lugar
“Definitivamente não foi uma corrida satisfatória para nós. Especialmente o primeiro stint após o carro de segurança, que não foi bom. Eu estava com dificuldades com o equilíbrio do carro e os pneus não estavam funcionando corretamente, então eu tive dificuldades em me manter com o ritmo dos carros na minha frente. O segundo stint foi bom, e fui capaz de ganhar algum terreno para o carro na minha frente. No geral eu senti que demos um passo para trás em termos de equilíbrio de carro na corrida em comparação com o resto do fim de semana. Precisamos analisar o que podemos melhorar para sermos mais competitivos nas próximas corridas.”

Pascal Wehrlein (Sauber) – 16º lugar
“Desde as sessões de treinos na sexta-feira, sabíamos que a corrida nesta pista não seria a nosso favor. Durante a corrida eu não fui capaz de levar os pneus para a janela de trabalho ideal que resultou em nossos tempos de volta menos competitivos. No geral, eu me senti desconfortável no carro neste fim de semana. Agora precisamos examinar os dados para entender as razões. Espero que consigamos um melhor desempenho durante a próxima corrida em Barcelona, onde estão previstas atualizações nos carros.”