Sainz: “Temos duas categorias diferentes na Fórmula 1”

O piloto da Toro Rosso, Carlos Sainz, acredita que atualmente existem duas categorias diferentes na F1 devido ao domínio das três principais equipes, Mercedes, Ferrari e Red Bull. Sainz terminou no top 10 sete vezes até agora no ano, com seu melhor resultado sendo uma sexta colocação em Mônaco.

Ele acredita que as “duas categorias diferentes” na F1 surgiram desde que as novas regulamentações técnicas foram introduzidas e sente que a questão pode piorar devido aos recursos superiores que as três principais equipes têm à sua disposição.

“Eu quero pensar que a lacuna será reduzida um pouco, e acho que é uma grande diferença, uma diferença enorme”, disse ele sobre o “gap” entre o trio reinante e o restante do pelotão.

“Por outro lado, a diferença acabou de aumentar neste ano, ao longo do ano, a Mercedes e a Ferrari fugiram pois possuem mais recursos, mais dinheiro para o desenvolvimento.

“Na minha opinião, no momento, temos duas categorias diferentes na Fórmula 1 e não é o que esperamos, você sabe, então espero que seja algo que não aconteça no próximo ano”, disse Sainz.

A Red Bull é a terceira no campeonato de construtores com 184 pontos, com a Force India em quarto com 83 pontos. A equipe de Sainz, Toro Rosso, marcou 39 pontos até agora, em 2017, ocupando o sexto lugar na classificação atrás da Williams, que está 2 pontos a frente. Toro Rossi tem uma vantagem de 10 pontos para a Haas na sétima posição.