Rosberg assume culpa por batida durante segunda sessão

Nico Rosberg assumiu a culpa por sua escapada durante o segundo treino livre para o GP da Austrália, que causou danos à sua Mercedes W07 Hybrid.

Rosberg, que foi sexto na primeira sessão, perdeu o controle na pista molhada na saída da Curva 7 e acertou o muro do lado de fora da curva.

Ele tentou voltar para os boxes, mas foi informado pela Mercedes, seguindo uma orientação da FIA, para parar o carro, consequentemente o retirando do restante da sessão.

Como medida de precaução, a parte dianteira da Mercedes de Rosberg foi substituída para a terceira sessão em Albert Park.

“Não foi um bom começo de fim de semana para mim”, admitiu Rosberg. “Estava muito molhado lá fora, o que deixou bem difícil. É uma pena que eu tenha perdido o carro no segundo treino”.

“Eu acelerei um pouco demais na Curva 7, rodei e acertei o muro. Minha asa dianteira ficou bem danificada, então infelizmente os caras terão algum trabalho extra para esta noite”.

“Peço desculpas a eles e agradeço muito por seu trabalho duro. Estou ansioso pelo treino classificatório e a corrida para estar num melhor desempenho”.