Rob Smedley: “Felipe Massa é tão bom agora quanto em 2008”

Felipe Massa está atualmente com desempenho acima do estava na disputa pelo título em 2008, de acordo com Rob Smedley.

Massa terminou um único ponto atrás de Lewis Hamilton no campeonato mundial de 2008 com a Ferrari, e depois, perdeu a segunda metade da temporada de 2009, por causa de lesões sofridas na classificação do GP da Hungria.

Ele não conseguiu repetir sua forma depois de voltar na temporada de 2010, mas tem conseguido um ressurgimento na sua carreira desde que se juntou à Williams há dois anos.

Smedley, que foi engenheiro de corrida de Massa na Ferrari, antes também de se mudar para a Williams, disse que o brasileiro tinha reconquistado a sua melhor forma.

“Ele está agora tão bom quanto estava. Ele não perdeu nada”, disse Smedley. “Ele está melhor agora porque tem mais experiência”.

“Em 2008, os pneus eram relativamente muito melhores, e as corridas eram diferentes pois eram de maior aceleração total”.

“Nos últimos dois anos, ele entendeu como usar os pneus muito melhor”.

A mudança de Massa da Ferrari para a Williams

Smedley atribuí a mudança para a Williams como um fator em seu retorno à forma.

“A maior revelação para alguns no paddock foi provavelmente em 2014, quando ele conseguiu muitos bons resultados de novo”, disse.

“Felipe sempre foi muito bom, mas acho que está confortável aqui. Ele é uma pessoa que precisa de respeito, precisa ser valorizado e precisa ser ouvido”.

“São três requisitos bastante básicos, então a melhor pergunta não é por que podemos tirar o melhor proveito dele, mas por que os outros não o fizeram?”

  • DR COXINHA

    …ou seja…continua a mesma m…

  • Filipe Barddal de Souza

    Eu gostaria muito que os experts como DR COXINHA pudessem dar duas voltas em um F-1 antes de criticar pilotos. Estão acostumados com seus carros com direção elétrica, ar-condicionado, câmbio automático, ABS, sensor de inclinação de carroceria, controle de tração, computador de bordo e a vezes que até estaciona sozinho. PQP.
    Eles nem sonham que para um F-1 começar a frenagem, deve-se aplicar uma força de 100kg no pedal. VSF