Ricciardo revela desejo de ver renovação entre Red Bull e Renault

Daniel Ricciardo pensa ser “provável” que a Red Bull e Renault vão permanecer juntas para além desta temporada.

Elas terminaram sua parceria em meio a discussões no ano passado, para ficarem juntas apenas sob a forma de um acordo com os motores renomeados como Tag Heuer em 2016.

Mas a Red Bull ficou positivamente surpreendida com o avanço feito pela Renault este ano, presumindo que, como equipe de fábrica, a montadora francesa melhorou seu foco.

“Antes de decidir sobre o futuro com a Renault, aguardamos a sua evolução”, disse Helmut Marko ao jornal italiano ‘La Gazzetta dello Sport’. “Mas no momento estamos muito satisfeitos. É uma situação completamente diferente de 2015”.

Na verdade, a Red Bull acha que o pódio e até vitórias possam ser possíveis se a grande atualização de motor para o Canadá cumprir a sua promessa.

“A Renault me surpreendeu”, disse Ricciardo à revista ‘Speed Week’. “Não teríamos imaginado que fosse possível fazer tanto progresso no inverno, e para a atualização do Canadá, supomos ser na mesma proporção”.

Então, quando perguntado se a Red Bull e a Renault poderiam até mesmo permanecer juntas em 2017, Ricciardo respondeu: “Eu acho que sim. Em função dos progressos, seria provável”.

“Nós estamos esperando por um motor no nível da Ferrari e que deve ser suficiente, pelo ótimo chassis que temos”, disse ele.

“Não acho que vai ser como as semanas turbulentas que tivemos no último verão e outono”, disse Ricciardo, se referindo à crise de fornecimento de motores da Red Bull de 2015.