Renault quer o RS16 como uma “base estável” para 2016

O diretor-técnico da Renault, Nick Chester, diz que a equipe quer uma “base estável” de seu carro de 2016, o RS16, e deve ser visto como uma evolução dos dois pacotes anteriores produzidos em Enstone.

A equipe terminou em sexto lugar no campeonato de construtores de 2015 com a Lotus e com motores Mercedes e Chester está confiante de que a Renault pode construir sobre as lições dos últimos dois anos.

“O RS16 será o terceiro carro produzido por Enstone desde que o V6 turbo entrou em vigor”, explicou. “Ele terá todas as lições aprendidas com os nossos dois carros anteriores e pode ser visto como uma evolução do E22 e E23”.

“Queremos uma base estável para permitir a introdução de desenvolvimentos ao longo do ano”.

Chester acrescentou que o compromisso de longo prazo da Renault significa que a equipe será capaz de fazer mais experimentos já que quer subir na hierarquia do pelotão.

“Agora somos Renault e temos um projeto de longo prazo à frente, o que é muito emocionante”, comentou. “Somos capazes de planejar em longo prazo agora, o que vai nos ajudar a desenvolver e nos permitir olhar para novas áreas”.