Renault critica pilotagem de Daniil Kvyat

Frederic Vasseur, diretor de corrida da Renault, criticou Daniil Kvyat por ser agressivo demais e prejudicar o GP de Mônaco de Kevin Magnussen.

Após um problema elétrico inicial no carro da Toro Rosso, Kvyat estava tentando descontar uma volta quando ele e Magnussen colidiram na Rascasse.

“Kevin nos pediu para colocar os intermediários bem cedo, o que foi uma boa decisão”, declarou Vasseur ao site britânico ‘Autosport’. “O problema foi que ele acabou preso atrás de Wehrlein e nós perdemos bastante tempo atrás dele”.

“Então, teve a batida com Kvyat, que estava uma ou duas voltas atrás e foi extremamente agressivo. É uma pena, porque ele destruiu a corrida de Kevin. Estando duas voltas atrás, ele não tinha a ver com isso – nada a ganhar e nada a perder”.

“O acidente acabou destruindo o assoalho. Nós trocamos os pneus e retornamos à pista, mas o assoalho estava completamente destruído e isso provocou a segunda batida duas voltas depois”.