Renault acredita brigar pelo título da F1 já em 2021

Bob Bell, diretor técnico da Renault, diz que a meta de disputar por títulos mundiais de Fórmula 1 em 2021 definida pelo presidente da empresa é um “objetivo realista”.

Quando Renault confirmou seu retorno como uma equipe de fábrica completa para 2016, a empresa definiu os seus objetivos de voltar para o topo da classificação que conquistou em 2005 e 2006, com títulos mundiais consecutivos.

Bell confirmou que o presidente da Renault Carlos Ghosn deu a equipe um plano de cinco anos para disputarem pelo campeonato mundial e fez comparações com a Mercedes e Red Bull nas suas recentes ascensões para o sucesso.

“No próximo ano o avanço óbvio para nós é passar para o pelotão intermediário e ser competitivo. Em 2018 é procurar pódios e assim por diante. Para além disso, em quatro, cinco anos portanto, ter uma temporada adequada e vencer o campeonato. Não há nenhuma ciência de foguetes nisso”.

“Se você olhar quando a Red Bull comprou a Jaguar, quando a Renault já comprou a Benetton ou quando a Mercedes comprou a Brawn, levaram cinco anos em cada caso para ganharem um campeonato. Esse é o tipo de escala de tempo, o tipo de roteiro que nós nos propusemos. Eu acho que é realista e está em linha com a expectativa da empresa”.

  • Vinícius

    A Renault até que foi bem humilde hehehe.