Renault: A Mercedes escondeu o jogo durante os testes

De acordo com o diretor técnico da Renault, Remi Taffin, a Mercedes não mostrou a ninguém a sua força total, enquanto as equipes estavam em testes de pré-temporada em Barcelona.

Apesar de a Ferrari marcar os tempos mais rápidos em cinco dos oito dias na Espanha, com a Mercedes o fazendo uma única vez, Taffin acha que é difícil comparar o seu carro com a Mercedes já que ela tem escondido seu desempenho.

“Para ser justo, é difícil comparar com a Mercedes”, disse francês. “Ela está escondendo seu jogo e vai mostrá-lo quando chegarmos ao Q3… em Albert Park!”

“Eu acho que devemos estar mais perto dela, mas a diferença ainda estará lá”.

No que diz respeito a Renault, Taffin disse que adaptaram seu desenvolvimento da unidade de potência para a temporada de 2016 e que também estão de olho na temporada de 2017, quando as restrições do sistema de fichas serão liberadas.

“Dependendo de como avaliamos esta temporada e os passos que podemos dar, acho que o objetivo ainda é, de 2017 em diante, estar lutando com a Mercedes, se fizermos um bom carro no geral”, disse Taffin.

“O programa está pronto, sabemos quando queremos introduzir um nova especificação. Estamos olhando para 2017 também. Há uma muita coisa que estamos desenvolvendo desde o ano passado que gostaríamos de mudar, vamos tentar mudar tudo de uma vez”.