Pilotos pedem mudanças na gestão da Fórmula 1

Os principais pilotos da Fórmula 1 pediram alterações na forma como a categoria é regida, chamando a estrutura atual de “obsoleta”.

A F1 esteve sob o fogo recentemente depois de apressadamente introduzir mudanças impopulares ao seu formato de classificação na véspera da temporada.

Isso ocorreu logo depois de Bernie Ecclestone chamar a versão atual da F1 como “a pior que jamais existiu”.

Lewis Hamilton criticou a forma como a F1 está e agora a Associação de Pilotos de Grand Prix (GPDA) descreveu o processo de tomada de decisão como “obsoleto e mal estruturado”.

Em uma carta assinada por Jenson Button, Sebastian Vettel e Alex Wurz, presidente da GPDA, pediu que mudasse a estrutura de governo da F1.

“A Fórmula 1 está sendo desafiada por um difícil ambiente econômico global, uma mudança rápida no comportamento dos fãs e dos consumidores, e uma mudança decisiva no cenário da TV e mídia”, dizia a declaração.

“Isto torna fundamental que os líderes da categoria façam ajustes inteligentes e bem ponderados”.

“Sentimos que algumas recentes mudanças de regras – tanto na parte esportiva quanto técnica, e incluindo algumas decisões de negócios – são perturbadoras, não abordam os problemas maiores que a nossa categoria está enfrentando e, em alguns casos, pode comprometer o seu sucesso futuro”.

“Portanto, os pilotos chegaram à conclusão de que o processo de tomada de decisões na categoria é obsoleto e mal estruturado e impede que seja feito qualquer progresso”.

“Isso reflete negativamente sobre a categoria, a impede que estar em forma para a próxima geração de fãs e compromete o crescimento global futuro”.

“Gostaríamos de solicitar e instar os proprietários e todas as partes interessadas da Fórmula 1 a considerar a reestruturação da sua própria governança”.