Petrobras estaria negociando com a Renault para patrocinar a Toro Rosso

A Petrobras está considerando uma parceria com a Toro Rosso na Fórmula 1.

A petrolífera brasileira já patrocina a Williams, mas o acordo de fornecimento da equipe com a Mercedes a obriga a utilizar lubrificantes e combustível da Petronas.

O Grande Prêmio/UOL relatou que executivos da Petrobras recentemente se reuniram com representantes da Renault e da Toro Rosso, que deverá trocar os motores Ferrari pelos da montadora francesa em 2017.

De acordo com o relato, a Petrobras está disposta a acrescentar uma segunda equipe à sua lista na F1 a fim de poder desenvolver e fornecer seus produtos.

Isso teria relação com o primeiro teste do brasileiro Sergio Sette Câmara – patrocinado pela companhia e membro da equipe júnior da Red Bull – na Toro Rosso esta semana em Silverstone.