Perda de potência provocou abandono de Kimi Raikkonen

Kimi Raikkonen (Ferrari) – não completou:

“Hoje tivemos uma boa primeira parte de corrida, mas em certo ponto perdi potência e tive que abandonar. Não sei exatamente o que aconteceu, não acho que o problema estava relacionado com o motor porque ainda funcionava. Deve ter sido algo mais. Foi uma coisa muito infeliz para toda a equipe. Após os testes de inverno, tivemos uma ideia que estava tudo muito bem, sábado foi um dia divertido, com condições muito estranhas e circunstâncias, por isso, sabia que a diferença de tempo na classificação não era real. O carro se comportava bem, era rápido e eu tive uma boa sensação, mas, obviamente, precisamos terminar a corrida. Ainda temos algum trabalho a fazer”.