Pastor Maldonado negocia seu retorno à Fórmula 1

Pastor Maldonado mantém a esperança de voltar à Fórmula 1, mas está aberto a outras categorias caso seu ‘sonho’ não for concretizado. O venezuelano perdeu a sua vaga na Renault  quando o seu apoio da petrolífera local PDVSA caiu completamente.

Desde então, o vencedor do GP da Espanha de 2012 completou alguns testes privados pela fornecedora de pneus Pirelli. “Vamos tentar de novo e tentar estar de volta em uma boa equipe, para me dar a chance de ser competitivo”, disse Maldonado à agência ‘Reuters’ em Mônaco.

“O plano A é a F1. Então, claro, se ele não der certo, precisamos olhar ao redor”, prosseguiu o piloto, que espera que a PDVSA possa encontrar o financiamento para retomar a sua carreira na F1.

“A PDVSA é uma grande empresa, apoia muitos programas de esporte na Venezuela. Eles ainda parecem manter todos os seus programas. Esperemos que isso não seja problema para tê-los de volta”, explicou.

“Eu sou o único venezuelano que está competindo neste nível. Estou sendo apoiado há muitos anos. As relações são muito boas. Espero que possamos estar juntos por mais anos. É claro que o preço do petróleo ainda está um pouco baixo, e quando isso acontece, o país cai. Com certeza está doloroso no momento”, concluiu ele.