Pascal Wehrlein se diz ansioso para corrida em Baku

Pascal Wehrlein (Manor) – 17º:

“Eu fiz uma largada muito boa e conseguiu passar Palmer e manter a Sauber atrás de mim antes do primeiro pitstop, embora tivéssemos com algum dano no assoalho quando chegamos ao grid e eu estava perdendo tempo de volta. No momento em que cheguei à última parada, eu tinha dificuldades com os pneus e isso permitiu a Ericsson me passar. Ainda fui capaz de terminar à frente de Nasr, o que foi positivo, embora seja decepcionante não ser capaz de segurar os dois. Estou ansioso para Baku, quando nós esperamos ter a oportunidade de mostrar mais do nosso aperfeiçoamento.”