Palmer tem “comprometimento da Renault” para ajudá-lo em vaga para 2018

Cyril Abiteboul sugeriu que a Renault poderia ajudar Jolyon Palmer a garantir um assento em outra categoria para a próxima temporada.

Foi confirmado no sábado passado que Palmer não vai terminar a temporada na Renault, com Carlos Sainz juntando-se à equipe de Enstone para as quatro últimas corridas do ano.

As opções de Palmer para permanecer na F1 são consideradas escassas, com seu principal alvo, Williams, avaliando Robert Kubica e Paul di Resta como possíveis alternativas para substituir Felipe Massa.

Outro grande compromisso da Renault, além da F1, está na Fórmula E, como fabricante de motores em parceria com a e.dams.

A marca irmã Nissan tem presença no Super GT do Japão, o Campeonato IMSA SportsCar, a série australiana Supercars e a Série Blancpain GT.

“Nós somos uma fabricante que faz parte de uma grande grupo, e temos temos uma atuação muito ampla no automobilismo, então também existirá oportunidades de ajudá-lo no futuro”, disse o chefe da Renault F1, Abiteboul, quando perguntado sobre o futuro de Palmer.

“Ele tem o meu compromisso pessoal e também com a Renault de ver como podemos ajudá-lo no próximo desafio. Tenho certeza de que ele tem algumas ideias”.