Michelin continua interessada em retornar à Fórmula 1

A Michelin continua interessada em retornar à Fórmula 1 na primeira oportunidade, apesar de ter perdido o acordo de fornecimento de pneus para os anos de 2017, 2018 e 2019 para a Pirelli.

Entretanto, a companhia francesa ainda está convencida de que a F1 teria de passar para as rodas de 18 polegadas. Esse foi um dos aspectos mais importantes da proposta da Michelin.

Michelin e Pirelli, fornecedora atual da categoria, foram aprovadas nas exigências da FIA para o período entre 2017 e 2019, mas Bernie Ecclestone optou pela Pirelli, com o tamanho atual das rodas sendo mantido.

“Ainda estamos interessados (na F1)”, declarou Pascal Couasnon, diretor de competição, ao site da revista britânica ‘Autosport’. “Não vamos mudar nossa posição a menos que a categoria não faça mais sentido”.

“Se pudermos confiar no espírito de uma corrida que é uma boa mistura de espetáculo e tecnologia e tivemos a oportunidade de demonstrar nossa capacidade, tudo bem. Porém, eles teriam de passar para 18 polegadas”.

“Acreditamos que, um dia, a F1 terá de mudar de qualquer maneira. Se você quer transferir a tecnologia das pistas para as ruas, precisa de alguma similaridade entre os produtos”.