Kevin Magnussen é punido por toque em seu companheiro de equipe

Kevin Magnussen recebeu uma punição de tempo e dois pontos em sua licença depois de ele colidir com o seu companheiro de Renault, Jolyon Palmer, durante a fase final do GP da Espanha.

Magnussen foi considerado culpado num incidente que forçou Palmer para fora da pista e o dinamarquês tomou 10 segundos de punição.

A punição derruba Magnussen da 14ª para a 15ª posição, atrás do seu rival da Sauber, Felipe Nasr.

“O carro 20 (Kevin Magnussen) estava num novo jogo de pneus macios, e o carro 30 (Jolyon Palmer) estava num jogo mais velho de pneus duros levando o piloto do carro 20 a ter velocidade e aderências significativamente melhores”, lê-se no comunicado enviado pelos comissários.

“No entanto, os comissários determinaram que o carro 20 não podia esperar fazer a Curva 13 sem colidir com o carro 30, que subsequentemente foi forçado para fora da pista”.

“Os comissários impuseram a punição, que foi convertida para uma punição de tempo depois da corrida já que os carros estavam na última volta”.