Hulkenberg deixa a Hungria insatisfeito mesmo pontuando

Nico Hulkenberg (Force India) – 10º

“Não estou muito feliz porque foi uma corrida bastante difícil para nós. Eu estava no lugar errado na curva 1 e perdi uma posição, o que tornou as coisas um pouco mais duras para mim. O principal problema na prova foi após nosso primeiro pit-stop, quando voltamos atrás da Toro Rosso de Kvyat e da Williams de Massa, e eu não consegui ultrapassar. É extremamente difícil passar aqui, e assim que você se aproxima do carro à frente, perde muita pressão aerodinâmica e destrói seus pneus. Foi a história da minha corrida. Perdi uma posição para Palmer no segundo pit-stop – na verdade, foi um erro meu, admito e peço desculpas à equipe. Durante a parada, deixei a embreagem escorregar e isso fez o carro se mover, então o pessoal não pôde colocar os pneus adequadamente e isso nos custou um pouco de tempo. A próxima etapa na Alemanha deve ser parecida com esta: temos os mesmos compostos de pneus e a pista possui muitas curvas de média velocidade. Mostramos hoje que podemos pontuar até mesmo em uma prova difícil, mas precisamos fazer um trabalho melhor nas próximas para marcar mais pontos.”