Hulkenberg comemora aumento na vantagem da Force India sobre a Williams

Nico Hulkenberg enalteceu os esforços da Force India ao terminar na sétima posição no México, permitindo a equipe aumentar sua vantagem sobre a Williams na luta pela quarta posição no Mundial de Construtores.

Hulkenberg classificou-se na quinta posição e pulou para quarto na primeira volta, antes de eventualmente cair para trás nas estratégias diferentes de Daniel Ricciardo e de ambos os pilotos da Ferrari.

O alemão da Force India manteve a sétima posição, apesar de rodar enquanto foi ultrapassado por Kimi Raikkonen, e seu resultado moveu a Force India mais um ponto à frente da Williams, aumentando a vantagem para nove pontos.

“Vindo para cá estávamos um pouco preocupados, já que dos restantes este era o circuito mais forte para a Williams”, explicou após a corrida.

“Então ir embora tendo ganhado um ponto é bom. Eu fiz o que pude, eu realmente tirei o máximo”.

“O outro carro (Sergio Perez, em 10º) teve um fim de semana difícil, então eu acho que está bom o que fizemos e estou certamente feliz com isto”.

Hulkenberg explicou seu momento com Raikkonen, que estava andando com pneus mais novos depois de andar numa estratégia de duas paradas.

“Eu fiquei surpreso que conseguimos manter ele atrás por tanto tempo”, adicionou Hulkenberg.

“Eu tentei defender o máximo que pude por dentro, mas frear numa linha suja com pneus de 60 voltas é um tanto complicado!”

“Ele virou para cima de mim e não tinha como parar o carro, então forcei uma rodada para evitar uma batida”.