Honda vê claros indícios de progresso do seu motor

Yusuke Hasegawa afirma que a exibição da Honda durante os testes de pré-temporada no Circuito da Catalunha confirmou o progresso que se previa. Jenson Button e Fernando Alonso completaram 453 voltas ao longo de quatro dias na semana passada, com o melhor tempo do inglês ficando a 2 segundos da Ferrari de Kimi Raikkonen.

“As duas semanas de testes foram em geral boas para nós, fomos capazes de confirmar as melhorias na confiabilidade, desempenho e implantação do motor, onde focamos durante o período de entressafra”, disse o novo chefe da Honda na Fórmula 1.

“Especialmente no segundo teste, o fato de que não tivemos quaisquer problemas com a unidade de potência durante quatro dias seguidos é um bom resultado para nós. Nós ainda precisamos efetuar verificações e a preparação no dinamômetro, além de finalizar os dados da unidade de potência, mas com certeza e de forma constante progredimos na nossa preparação para Melbourne”, prosseguiu ele, que prefere não fazer comparação com as rivais Mercedes, Ferrari e Renault.

“É difícil determinar o desempenho sincero de todo o pacote ainda. Para a Honda, é muito importante seguir forçando durante a temporada para melhorar a competitividade e alcançar a zona de pontuação”, finalizou Hasegawa.