Honda quer superar Renault até final da temporada

A Honda quer deixar para trás a duvidosa fama de ser o fornecedor de motores com menos potência da F1 até o final da temporada.

Apesar das especulações sobre o futuro da parceria entre McLaren e Honda, o fabricante japonês prometeu continuar melhorando sua unidade de potência 2017.

A McLaren-Honda teve um bom fim de semana sem problemas técnicos durante o GP da Hungria, e os planos já estão em andamento para trazer a atualização 4 “após a interrupção de agosto”.

“Nós podemos continuar a melhorar em termos de desempenho”, disse Yusuke Hasegawa da Honda, “mas será difícil pegar Ferrari e Mercedes.

“Mas, no final da temporada, queremos passar a Renault”, o japonês foi citado pela ‘Speed ​​Week’.

“Os pilotos estão agora satisfeitos com a confiabilidade do motor, nós precisamos ter mais potência. Estamos trabalhando nisso agora”, acrescentou Hasegawa.

A McLaren pretende tomar uma decisão sobre seu fornecedor de motores 2018 em setembro, mas o chefe da equipe Eric Boullier apoiou Hasegawa nos planos para o resto deste ano.

“Depois da metade da temporada, estamos trabalhando duro pelo menos para recuperar nossa competitividade do ano passado”, ele foi citado pelo espanhol ‘El Confidencial’.