Hamilton: Tinha certeza que venceria até mais um problema

Lewis Hamilton diz que ele tinha que evitar usar todo o acelerador nas retas por conta de outro problema técnico que atingiu seu carro no GP da Rússia.

Hamilton tinha que lutar partindo da 10ª posição no grid em Sochi depois de sofrer com outra falha no MGU-H durante o treino classificatório.

Mas assim que o seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg, apareceu em sua visão, ele foi forçado a diminuir para lidar com um problema de pressão de água.

“Não havia dúvidas na minha cabeça de que eu poderia vencer, mas então eu tive um problema com o motor novamente”, refletiu Hamilton depois da corrida.

“Eu não podia acelerar ao máximo nas retas, para tentar controlar o problema”.

Hamilton ficou contente por sobreviver aos incidentes da primeira volta, depois de contatos nas três primeiras corridas do ano, e conseguiu ultrapassar Kimi Raikkonen, da Ferrari, e Valtteri Bottas, da Williams.

“Não foi uma primeira curva fácil, mas todas as corridas foram assim até agora”, disse.

“Com Kimi, eu não sei se ele esperava que eu ultrapassasse lá (na Curva 6), e com Valtteri (na Curva 2), eu estava um tanto quanto distante, mas ele não pareceu se defender, então foi um tanto quanto fácil!”.

Hamilton segue Rosberg com 43 pontos de desvantagem na classificação do campeonato.