Hamilton surpreso com o pódio depois de largar em último

Lewis Hamilton diz que terceira posição no Grande Prêmio da Bélgica excedeu suas expectativas enquanto se movia para frente a partir do 21º lugar no grid.

Hamilton começou da última fila depois de uma série de punições por troca de motor, mas subiu para o 12º lugar no início, e fez mais progressos quando o Safety Car foi implantado por conta do acidente de Kevin Magnussen.

Hamilton, que tinha começado com os pneus médios, ficou na pista e subiu para a quinta posição enquanto os rivais paravam, antes da corrida ver a bandeira vermelha para que os reparos de barreira fossem realizados.

Hamilton foi capaz de trocar pneus durante a paralisação e passou por Fernando Alonso, antes de ultrapassar Nico Hulkenberg para a terceira posição.

Uma outra parada rebaixou Hamilton para o quarto, mas ele rapidamente re-passou o piloto da Force India para garantir que ele terminasse no pódio.

“Eu não posso acreditar que viemos de tão longe para ser honesto”, disse Hamilton.

“Eu acordei esta manhã sabendo o quão difícil seria sobre esses pneus, muitas bolhas, você nunca pode prever o que vai acontecer na corrida.

“A grande coisa é desde que eu tinha oito anos de idade é que cada domingo é diferente, o carro é diferente, alguma coisa acontece na frente.

“Em corridas anteriores não houve incidentes, mas hoje houve, hoje foi sobre ter certeza que você teve a abordagem certa, não muito agressivo, não é muito passivo.

“Hoje em conjunto como uma equipe que tinha apenas o equilíbrio certo, este é o melhor resultado que eu poderia ter esperado.”

A vantagem na disputa pelo título de Hamilton foi, no entanto, para nove pontos, depois de seu companheiro de equipe na Mercedes, Nico Rosberg, liderar do início ao fim.