Hamilton diz que “cairia no sono” se assistisse ao GP de Mônaco

Lewis Hamilton revelou que “cairia no sono” se assistisse ao GP de Mônaco em casa.

O britânico terminou a prova na mesma posição em que se qualificou – em terceiro – não ganhando ou perdendo nenhuma posição durante a corrida no principado. O tetracampeão mundial acredita que foi uma corrida muito lenta e que os fãs em casa não teriam gostado.

“Os pneus não eram ótimos, mas estávamos todos pilotando tão devagar. Eu estava pensando, enquanto pilotava, que não era uma corrida de ataque, estávamos apenas passeando. Ficaria chocado se alguém estivesse acordado em casa, enquanto a TV estivesse ligada, porque eu estaria dormindo no sofá”, disse Hamilton ao “Channel 4”.

O piloto ainda perdeu três pontos que tinha de vantagem para Sebastian Vettel, no Campeonato de Pilotos, quando o alemão terminou em segundo nas ruas de Monte Carlo. Entretanto, Hamilton sabe que está em um lugar muito melhor do que na temporada passada, já que ainda lidera a corrida pelo título.

“Estou muito grato, no ano passado eu estava a 25 pontos atrás neste momento. Eu perdi três para Vettel hoje, e só perdi três e não mais, sou muito grato”, revelou Lewis Hamilton.