Hamilton começa o ano liderando primeiro treino livre

O inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, liderou o primeiro treino livre da primeira etapa da temporada 2016 de Fórmula 1, o GP da Austrália, seguido pelo russo Daniil Kvyat, da Red Bull, e pelo australiano Daniel Ricciardo, companheiro de Kvyat.

Vale destacar que, além da surpresa positiva com os dois carros da Red Bull e Toro Rosso, há surpresas até agora negativas com a Ferrari e a Williams. A equipe italiana do alemão Sebastian Vettel e do finlandês Kimi Raikkonen pouco completou voltas.

O brasileiro Felipe Massa, da Williams, ficou com o 12º tempo, e foi seguido pelo seu compatriota Felipe Nasr, da Sauber.

Ao ver a Red Bull e a Renault bem posicionadas, dá indícios de que o motor francês conseguiu evoluir durante a intertemporada, mas a verdade só devemos conhecer com o decorrer deste fim de semana, principalmente se a pista permanecer seca.

Depois de chover durante toda a madrugada em Melbourne, a pista amanheceu molhada e permaneceu úmida durante parte da sessão. Quando voltou a chover por alguns minutos umedecendo novamente a pista até os 20 minutos finais.

Do 20º ao 2º minuto restante no cronômetro a pista foi secando rapidamente, o que produziu tempos cada vez mais baixos, quando a chuva voltou definitivamente instantes antes da bandeira quadriculada.

Apesar de as mais interessadas por acumularem maior quilometragem serem a estreante Haas, a em processo de evolução Manor e a atrasada Sauber, foi Mercedes, Ferrari e Red Bull que mais andaram na primeira meia hora de sessão. Ao fim da sessão foi possível observar que, além de Mercedes e Red Bull, as equipes McLaren, Toro Rosso e Renault foram as que mais andaram.

O treino mostrou três grupos separados por alguns segundos: o primeiro entre Mercedes, Red Bull, Force India e Toro Rosso; o segundo entre McLaren, Williams, Sauber e Renault; e o pelotão final entre Manor e Haas. A Ferrari quase não andou nesta sessão.

Ainda é cedo para tomar conclusões, até porque estamos falando do primeiro treino oficial do ano, mas a ordem pareceu bem diferente do que se esperava.

Detalhe interessante foi o uso, além dos pneus de chuva e intermediários por conta da pista molhada, que os pilotos não se calçaram pneus médios (com exceção da Manor), somente os macios, uma vez que a nova regra de pneus deste ano permite que as equipes escolham seus jogos de pneus.

A sessão decorreu sem problemas maiores para todas as equipes.

Vale citar que Carlos Sainz, da Toro Rosso, teve algum problema durante sua primeira volta rápida e não voltou ao circuito, enquanto que Sebastian Vettel, da Ferrari, fez várias voltas de instalação, mas não completou nenhuma.

O segundo treino livre do GP da Austrália será realizado nesta madrugada de quinta para sexta-feira a partir das 02h30 (horário de Brasília).

 

Confira os tempos do primeiro treino livre em Albert Park:

20160318_australiangp_fp1

  • rafael mota

    as ferraris não andaram? o que dizer das williams então? só espero que seja mais disputado que o ano anterior, pq é chato viu. não importa quem vença, contanto que se mate pra vencer ta tudo bem.