Haas volta para os freios Brembo neste fim de semana em Spa

O chefe da equipe Haas, Gunther Steiner, confirmou que tanto Romain Grosjean quanto Kevin Magnussen usarão os freios Brembo no GP da Bélgica.

A Haas sofre com problemas de freios desde que entrou na Fórmula 1 em 2016, particularmente no carro de Grosjean, e pediu à Carbon Industrie para fornecer uma alternativa.

No GP da Grã-Bretanha, Grosjean correu com freios Carbon Industrie atualizados, tendo testado ambas as opções nos treinos, enquanto o companheiro de equipe Magnussen usava os da Brembo.

A Haas realizou testes adicionais em Hungaroring, que é mais duro para os freios do que Silverstone, e voltará para a Brembo em ambos os carros neste fim de semana em Spa-Francorchamps.

“Em Spa vamos usar a Brembo no início e depois veremos, mas o plano no momento é correr com Brembo”, disse Steiner, quando perguntado sobre os freios.

Steiner acrescentou que ele espera uma outra batalha no meio-campo nos eventos consecutivos da Bélgica e Itália, com a Haas disputando com quatro equipes o quinto lugar na classificação.

“Na Áustria, fomos o quarto carro mais rápido, e na Hungria, a Renault era o quarto carro mais rápido”, comentou.

“No momento, parece que as equipes como a Renault e a McLaren obtiveram ganhos, mas talvez seja apenas específico da pista. Ninguém sabe realmente. Todos estão especulando e não quero fazer mais uma especulação.

“Nós faremos o nosso melhor trabalho sob todas as circunstâncias.

“Todo mundo está tentando fazer seu melhor e nós faremos o mesmo”, concluiu Steiner.

A Haas está preparada para apresentar sua próxima atualização do carro no GP dos Estados Unidos.