Haas ainda trabalha para resolver problemas em suas asas

Gunther Steiner, chefe da Haas, diz que a equipe está trabalhando com sua fornecedora de chassi Dallara a fim de resolver os problemas de produção que provocaram uma série de falhas na asa dianteira.

“A Dallara não decide como e quem está fabricando a asa, isso ainda é de responsabilidade da Haas”, declarou ele.

“O difícil de entender é como o padrão com todas as partes é alto na Fórmula 1 comparado à GP2 e à Fórmula Indy. A diferença é grande. Há apenas 10 companhias que sabem como fazer as coisas, e elas são as 10 equipes de F1”.

“Nossa responsabilidade é orientar a Dallara para que eles cheguem a esse ponto. Não vejo isso como negativo para a Dallara, pois você não pode saber o que não conhece, portanto temos de levar isso para eles com o nosso próprio pessoal”.

“Já demos grandes passos até mesmo neste ano, tanto em termos de peso quanto de qualidade das partes. Porém, no próximo ano, precisamos estar onde as outras equipes estão, e vamos conseguir”.