Grupo de Estratégia discutirá uso do “halo” na próxima semana

A mais recente especificação do “halo”, o dispositivo de proteção de cockpit da Fórmula 1, será debatida na próxima reunião do Grupo de Estratégia, que acontece em Genebra na quinta-feira, segundo o site ‘Autosport’.

Os pilotos viram uma apresentação em powerpoint sobre os prós e contras do projeto nesta sexta-feira em Hungaroring. Entende-se que a FIA acredita que o halo irá melhorar significativamente a segurança, depois de ter realizado análise sobre o impacto que o dispositivo teria tido em acidentes anteriores.

O dispositivo está pronto para ser implementado para 2017, mas o Grupo de Estratégia poderá optar por adiar a introdução para 2018. Depois de ver a apresentação, Carlos Sainz disse: “É muito claro que salva vidas, isto é 100% de certeza”.

“A votação vai começar em breve. A FIA tem feito tudo o que pode com um item que funciona muito bem em muitas situações. Após os slides que nos mostraram hoje e as imagens, elas são bastante impressionantes. Você pode ver como ele adiciona (segurança) e quantas vidas poderia ter salvo”, prosseguiu.

“Os pilotos, mesmo que odeiem e digam que não está no DNA do esporte, quando olham para ele, percebem que faz algum sentido. Eu não gosto, mas é como quando seu pai lhe diz que você está errado e você sabe que ele está certo, mas você não quer admitir!”, concluiu o piloto da Toro Rosso.