Grosjean: Pontuar foi como vencer para a Haas

Romain Grosjean elogiou sua equipe Haas já que ele conseguiu conquistar o sexto lugar na estreia da equipe no GP da Austrália.

Grosjean, que largou da 19ª posição, manteve o ritmo com o pelotão intermediário e conseguiu fazer sua única troca de pneus durante o período de bandeira vermelha, surgindo dentro do top 10.

Conforme os rivais pararam por pneus novos, Grosjean preservou seus médios e cruzou a linha em sexto, o melhor resultado para uma equipe totalmente nova desde a Toyota em 2002.

“É como estar no degrau mais alto do pódio para nós”, disse Grosjean. “Foi uma corrida incrível, um fim de semana incrível. A Austrália nunca foi muito boa para mim, então finalmente eu mudei de cores e funcionou!”

“Nós podemos melhorar em muitas áreas, mas este resultado dará uma grande ajuda para todos e dará confiança”.

Grosjean adicionou que a falta de dados da Haas fez com que seu ‘stint’ nos pneus médios fosse um passo ao desconhecido.

“A chave foi a estratégia, durante a bandeira vermelha pudemos trocar os pneus”, adicionou. “Tivemos um pit-stop de graça, permanecendo com os médios por 39 voltas não foi fácil já que não tínhamos referência, mas deu certo e conseguimos!”