FIA solicita que Pirelli simplifique nomes dos pneus para 2019

A FIA e a FOM pediram à Pirelli que simplificasse suas escolhas de nomes, para os pneus da temporada de 2019, afim de melhorar a compreensão de qual composto está sendo usado.

A Pirelli atualmente tem os hipermacios, ultramacios, supermacios, macios, médios, duro, superduro, intermediários e pneu de chuva, como parte de sua formação de compostos. Isso considerando como são chamados no Brasil, no restante dos países, os pneus levam ainda as suas descrições em inglês, não menos complicadas.

Mas ambos os órgãos governamentais solicitaram que, a fabricante italiana alterasse os nomes, para os finais de semana de corrida: “Tivemos um pedido da FOM e da FIA para apenas chamá-los de duro, médio e macio, com três cores, as mesmas cores e os mesmos nomes para todas as corridas. Mas obviamente em compostos diferentes, porque você não pode usar os mesmos compostos que usamos (por exemplo) em Silverstone em Mônaco ou Suzuka”, disse o chefe da Pirelli, Mario Isola.

“Em um segundo nível, teremos o composto A, B, C, D, E, F ou o que for, e diremos a você que, para essa corrida, o duro é B, o médio é D e assim por diante”, acrescentou.

Isola também disse que seria “possível” concordar com o pedido e que discussões adicionais dentro de sua própria equipe agora serão realizadas: “É viável, porque produzimos um lote específico para cada corrida, para garantir que todos eles sejam provenientes do mesmo lote de produção. Então, honestamente, colocar uma etiqueta roxa ou uma etiqueta amarela ou qualquer outra cor, não é um grande problema. É uma possibilidade”, explicou o chefe da Pirelli.