Ferrari ainda acredita no título de Vettel

Sergio Marchionne afirmou que a disputa pelo título da temporada 2017 ainda não acabou.

Isso apesar do fato da imprensa italiana em partes acreditar que a campanha de Sebastian Vettel “foi para o espaço” nas corridas de Cingapura, Malásia e Japão.

“Em três corridas, Maranello acabou com tudo de bom que foram feitas nas 13 (primeiras corridas)”, afirmou Marchionne para a ‘La Gazzetta dello Sport’.

O ‘La Repubblica’ acrescentou: “Como você pode perder um campeonato com um carro tão rápido?”

Mas o presidente da Ferrari, Marchionne, disse que, apesar da grande diferença de pontos de Vettel para Lewis Hamilton, com apenas quatro corridas para o fim, a Ferrari “não vai desistir”.

“O importante é não perder a confiança que nos trouxe até agora”, disse ele à emissora italiana, ‘CNBC’.

“Sem ser arrogante acho que a Ferrari está no mesmo ou na frente do nível da Mercedes hoje”, acrescentou Marchionne.

“Tenho imensa confiança de que, nas próximas quatro corridas, possamos tirar a diferença”.

Ele comentou que o problema de Vettel em Suzuka foi uma “vela de ignição de 59 euros  (pouco mais de 220 reais)  que afetou um carro que vale milhões”.

“Precisamos renovar nosso compromisso com a qualidade dos componentes que usamos para a F1”, acrescentou Marchionne.

“Em pelo menos três ocasiões tiveram um impacto devastador no desempenho da Scuderia. Vamos corrigir isso”.