Felipe Nasr admite que pode ficar sem vaga para 2017

Felipe Nasr admitiu ser possível que ele fique sem um assento de Fórmula 1 para 2017.

E se isso acontecer, a menos que Felipe Massa volte da aposentadoria, a categoria estará sem um único piloto brasileiro.

“Acho que seria ruim para a categoria”, disse Nasr à ‘Globo’.

“O Brasil tem tanta história na F1, mas eu não acho que vai acontecer, mas há sempre o risco”.

“Eu quero estar no grid e estou trabalhando para isso”.

Até agora, Nasr esteve na F1 com o sólido apoio do Banco do Brasil, mas seu patrocinador está saindo da Sauber.

Mas Nasr disse que embora esteja em cima da hora, a aposentadoria de Nico Rosberg agitou o mercado.

“É muito incomum na F1 estar nesta época do ano e ter tantos lugares vagos. Eu acho que é apenas uma questão de continuar a negociar e tentar encontrar um lugar”, acrescentou.