Fechando polêmica, Renault anuncia contratação de Marcin Budkowski

A Renault anunciou a contratação do ex-chefe do departamento técnico da FIA, Marcin Budkowski, como diretor executivo, após as recentes especulações.

Budkowski demitiu-se da FIA antes do Grande Prêmio da Malásia, com a entidade indicando que ele estaria em uma licença remunerada de três meses, antes de poder assinar um novo contrato.

Em seu papel, Budkowski teve acesso a informações técnicas altamente sensíveis, incluindo dados dos motores das equipes e ideias de desenvolvimento.

Tendo sido vinculado à Renault, irritando os chefes das equipes rivais, a fabricante francesa já confirmou que Budkowski chegará a Enstone.

A data correta ainda não foi confirmada pela Renault.

Budkowski será responsável por supervisionar todas as atividades relacionadas ao desenvolvimento e produção do chassi da Renault quando se juntar à equipe.

“A missão de Marcin (Budkowski) será continuar o fortalecimento de Enstone para permitir que a Renault se junte às melhores equipes de Fórmula 1 em 2020, confiando no pessoal comprovado de Bob Bell, Nick Chester e Rob White”, comentou o chefe da Renault, Cyril Abiteboul.

“A chegada de Marcin é uma excelente notícia e mais uma prova de nossa determinação em alcançar nossos objetivos”.