Eric Boullier almeja McLaren à frente da Ferrari em Mônaco

A McLaren-Honda tem a chance de superar a Ferrari no GP de Mônaco devido a um chassis superior, é o que calcula o diretor de corridas, Eric Boullier. O traiçoeiro circuito de rua de Monte Carlo deve favorecer os pontos fortes do modelo MP4-31.

Perguntado onde ele espera que Fernando Alonso e Jenson Button podem surpreender no próximo fim de semana, Boullier respondeu ao site ‘Autosport’: “No papel podem ficar entre sexto e oitavo lugar, eu acho”.

Em resposta à sugestão de que estaria atrás de Mercedes, Ferrari e Red Bull, ele disse: “Da Ferrari, não tenho certeza. Não tenho certeza se a Ferrari é uma ameaça. A Red Bull definitivamente, a Toro Rosso que tem um bom carro, e a Mercedes”.

Boullier acredita que a McLaren tem o terceiro melhor chassis na F1 – algo que já aconteceu em 2015, mas que se consolidou agora às custas de Williams e Ferrari. “No ano passado estávamos em terceiro lugar, mas perto de Williams e Ferrari. Agora é Mercedes, Red Bull, nós mesmos, então Ferrari, Toro Rosso e Williams. Eles estão claramente atrás agora”, afirmou.

Ambos os pilotos da McLaren acreditam que Mônaco será uma corrida forte para a equipe. “Eu adoro. No ano passado foi um pouco frustrante com uma bandeira amarela na curva 1 e eu tive que diminuir, nós teríamos chegado no Q3, que tem que ser o objetivo deste ano. Eu realmente gosto de Mônaco. A maneira como piloto e construo – em vez de ultrapassar e depois voltar – eu acho que funciona para mim em Mônaco”, comentou Button.

Alonso reconhece que o motor Honda ainda precisa de potência, fazendo de Mônaco um local onde o déficit da McLaren seja menos aparente. “Acho que estamos ficando melhores, sem dúvida, com todos os passos que estamos fazendo no pacote”, declarou ele.

“Nós ainda estamos precisando de um pouco de potência, mas Mônaco é um circuito onde isso não é tão importante, assim nós temos uma chance de conseguir algo a mais”, concluiu.