Depois de 20 anos, Buenos Aires pode receber etapa da Fórmula 1

O diretor de corridas da Fórmula 1, Charlie Whiting, fez uma “visita informal” ao circuito de Buenos Aires, na Argentina, para avaliar o estado do autódromo.

Whiting caminhou pela pista e acredita-se que ficou satisfeito com o padrão do circuito, que já recebeu 20 Grandes Prêmios entre 1953 e 1998.

Ele indicou aos organizadores as áreas que precisam de melhorias e atualizações a fim de atender aos padrões exigidos (Grau 1 da FIA) para sediar uma corrida.

Whiting teve em seu “passeio”, a companhia de membros do governo da cidade e representantes do Automóvel Clube Argentino e da Associação de Pilotos Argentinos.

Informações indicam que a Argentina está disposta a ter novamente uma prova de F1, enquanto a Liberty comenta também sobre uma possível segunda corrida dos EUA.

Se a Argentina retornar no futuro, seria a terceira etapa na América Latina, junto com Brasil e México.

Atualmente, o Autódromo Juan y Oscar Galvez sedia apenas a TC2000 – categoria de turismo argentina – e campeonatos de GT e Fórmula Renault 2.0.