Chefe da Sauber critica atitude da sua dupla de pilotos

A chefe de equipe da Sauber, Monisha Kaltenborn, criticou seus pilotos Marcus Ericsson e Felipe Nasr depois do seu acidente no GP de Mônaco deste domingo.

A dupla acabou batendo na Rascasse, algo que Kaltenborn classificou como inaceitável já que ambos foram forçados a retirarem seus carros a poucas voltas do final.

“Foi um comportamento inaceitável de ambos os pilotos”, disse Kaltenborn quando questionada sobre o incidente depois da corrida de ontem.

“Hoje o trabalho de toda a equipe terminou em um acidente.”

“Marcus e Felipe sabem quanto trabalho é realizado a cada fim de semana. Eles têm a responsabilidade de terminar as corridas.”

“Depois de avaliar toda a situação naquele momento, era importante ter o carro mais rápido na frente, então poderíamos nos aproveitar de qualquer chance. Nossa decisão foi baseada nos dados de ambos os carros.”

“Depois disso, nós esclarecemos a situação internamente e os pilotos estão cientes de suas responsabilidades. Tal incidente não acontecerá novamente.”

  • Alex Fernando Costa

    Gostei da atitude do Nasr,me fez lembrar o eterno Senna que não era “pau mandado” em abrir para os outros passarem. Por que só os brasileiros sempre tem que dar as posições aos outros???? Parabéns Nasr!!!

    • Cristerson Castelanno

      Verdade! Bom piloto ele é, se ficar obedecendo esse tipo de ordem, logo não terá mais resperto ! Tem que se impor na pista e no box.